Recebemos membros da família Aspromonte

Com grande satisfação, recebemos membros da família Aspromonte em nossa fábrica junto com ex-funcionários que fundaram a empresa e fizeram da Aspro uma marca reconhecida internacionalmente.

No encontro, compartilhamos experiências, anedotas e memórias de mais de 35 anos de história, que nos enchem de alegria e nos motivam a continuar avançando.

A história da Aspro começa em 1953, quando Vicente, Reinaldo e José Aspromonte, junto com sua mãe Carmela, chegam à Argentina depois que seu pai Nicola deixa sua Itália natal após a guerra, em busca de um lar melhor para sua família.

Após muito esforço e aprendizado, os irmãos conseguiram se destacar na indústria metalúrgica e em 1975 nasceu a Metalúrgica Aspromonte Hermanos.

Mais tarde, em 1985, José empreendeu uma viagem à Europa em busca de novas oportunidades, com visão no GNV. Na volta, conta aos irmãos: “Finalmente, não comprei o compressor. Nós vamos fazer isso sozinhos." Todos achavam que ele era louco. Os compressores são equipamentos de alta tecnologia. Mas eu estava convencido de que iríamos conseguir", disse ele.

Após fabricar um compressor que atende aos padrões de qualidade, em 1993 expandem para o mundo, dando seus primeiros passos no Brasil, até conseguir exportar para 45 países.

“Minha história é a de um imigrante do pós-guerra que veio para esta terra abençoada com um grande desejo de crescer. Podemos negar muitas coisas na Argentina. Mas nunca podemos esquecer a forma como este país abriu as suas portas aos imigrantes que queriam trabalhar. A Argentina me deu a oportunidade de me desenvolver, de construir minha família, de realizar sonhos inesperados. Sou eternamente grato a este país. No meu caso, posso dizer com orgulho que percorri um longo caminho de sacrifício, trabalho e desafios e que tudo o que semeei ao longo da minha vida me foi devolvido em abundância. Só gostaria de ser lembrado como um grande trabalhador”, disse José Aspromonte em entrevista memorável à ADIMRA – Câmara Argentina de Gás Natural Comprimido (CAGNC).

Hoje, a Aspro continua crescendo sem limites na indústria.

Aspro: indústria argentina.

Outras Notícias